CNH aos 16 anos

Colunistas Geral São Sepé

Na edição passada deste artigo, nós citamos uma nova Comissão Parlamentar, que foi criada na Câmara Federal com o objetivo de aperfeiçoar as Políticas Públicas de proteção à criança e adolescentes no trânsito. Até aí tudo bem, a Comissão foi criada e a intenção desses parlamentares parece que é realmente fazer alguma coisa mais proveitosa no nosso trânsito para melhorar a circulação de veículos no Brasil. Acontece que: Nessa nominada relação de parlamentares, não consta a presença de figuras expressivas, de nome reconhecido em defesa do trânsito, como por exemplo o Senador Fabiano Contarato, esse é nome respeitado em legislação de trânsito.

Em uma manifestação, o presidente da Comissão, o Senador Gaúcho, Lasier Martins, fez uma exaustiva conversa sobre a “Fracassada” Década de Ações de melhorias para o trânsito, proposta pela ONU, que na verdade aqui no Brasil foi um fracasso, pois o Governo Federal pouco apoiou e não tivemos resultados satisfatórios.

O que vimos, é um trânsito desorganizado, com pouco ou quase nada de investimentos Federais em ações que realmente poderiam mudar esse quadro preocupante de mortes violentas nas rodovias.

Como se tudo isso não bastasse, agora surge nova polêmica para agitar ou mobilizar a Sociedade Brasileira: O questionamento é: Permite habilitação para os maiores de 16 anos de idade, ou não? No meu tocante confesso que tenho dúvidas. De um lado, com toda essa evolução da Sociedade, inclusive tecnológica, em que os jovens estão buscando seus espaços na sociedade e demonstrando sim que são capazes de assumir mais responsabilidades. No entanto, prefiro neste momento ficar com o posicionamento do citado especialista de legislação de trânsito, o citado Senador Fabiano Contarato, no que, em seu parecer, se manifesta pela preocupação em liberar os jovens para dirigir neste momento mais crucial do nosso trânsito, seria em grotesca afirmação, o Governo jogar os jovens para a maior mortandade do momento. Será que este momento é o melhor para a Sociedade?

Não se trata de duvidar da capacidade dos Jovens mas sim, preocupação com a falta de investimentos no trânsito. Recente pesquisa comprova que os jovens são os que mais cometem infrações de trânsito (jovens entre 18 a 29 anos de idade).

O referido projeto encontra-se na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Federal, mas já tem esse parecer contrário do Senador Contarato, pelas razões expostas. Mesmo assim, já dá para a Sociedade refletir sobre essa situação. Enquanto isto, aí está a nova Carteira Nacional de Habilitação, circulando em pleno vigor, moderna e talvez, isso sirva também de desejo aos jovens de 16 anos de idade.

 4,345 Visualizações,  1 Hoje

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *